11 julho, 2012

E enquanto os dias forem meus,
serei essa eterna espera.
Lua que vê o sol distante,
na esperança constante
do encaixe perfeito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário