01 fevereiro, 2012



"Amargo, às vezes violento, embora cheio de fé. Essa mesmo que me alimenta até hoje e que me faz ser capaz – como neste momento – de ainda me emocionar ouvindo Beatles cantarem coisas como ‘all you need is love, love, love...’ "

Nenhum comentário:

Postar um comentário